Para seu primeiro espetáculo, a Companhia Ganymedes vale-se de um consagrado texto da literatura alemã, refletindo sobre a liberdade, sobre se realmente existe liberdade, sobre se nossas vontades são eficazes frente à vontade de outrem.

O espetáculo baseia-se na obra Mario e o Mágico, do alemão Thomas Mann, publicada primeiramente em 1930 e considerada uma das duas grandes novelas italianas do autor; a outra é Morte em Veneza. Como diz Jacques Brenner em prefácio à obra, Mario e o Mágico seria uma história politicamente engajada e que simbolizaria a instalação do fascismo na Itália depois da Primeira Guerra Mundial.

www.ciaganymedes-omagico.blogspot.com


www.ciaganymedes.wordpress.com 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: