A terra deu, a terra dá, a terra cria

Scroll down to content

O Grande Poder da Música Popular Alagoana Nordestina Brasileira Universal.

Mestra Hilda e Mestre Verdelinho

Mestre Verdelinho, falecido em 18 de março de 2010, é parte de nosso patrimônio e está cravado em nossa memória afetiva. Mostra disso é sua composição Grande Poder, gravada por diversos artistas e certeza de cantoria e de dança se tocada em algum show em Maceió ou em outra cidade alagoana.

Aqui, o Grande Poder (letra e gravações).

O nosso Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
Sei que a terra gira com o seu grande poder
Grande poder com o seu grande poder
Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
A terra gira com o seu grande poder
Grande poder com o seu grande poder
A terra gira com o seu grande poder

A terra deu, a terra dá, a terra cria
A terra cria, a terra deu, a terra dá
A terra voga, a terra fica, a terra há
A terra acaba com toda má alegria
A terra acaba com inseto que a terra cria
Nascendo na terra, nessa terra há de viver
Morrendo na terra, para essa terra é de comer
Tudo que vive nesse mundo pra essa terra é alimento
Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
Sei que a terra gira com o seu grande poder
Grande poder com o seu grande poder
Sei que a terra gira com o seu grande poder
Grande poder com o seu grande poder
A terra gira com o seu grande poder

Porque no céu a gente ver uma estrelinha
Aquela estrela começa a se mudar
Aquela estrela começa a passear
Tem uma mais acesa outra mais apagadinha
Tem uma maior tem outra mais miudinha
E ás seis horas da manhã ela começa a se esconder
Às seis horas da noite é que torna a aparecer
Só é quando ela brilha em cima no firmamento
É porque Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
Home a terra gira com o seu grande poder
Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
Sei que a terra gira com o seu grande poder

O homem aplanta um rebolinho de maniva
Aquela maniva com dez dias ta inchada
Começa nascer aquela folha orvalhada
Ali vai se criando aquela obra positiva
Muito esverdeada muito linda e muito viva
Embaixo cria uma batata que engorda e faz crescer
Aquilo dá farinha pra todo mundo comer
Para toda criatura vai servir de alimento
Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
Sei que a terra gira com o seu grande poder
Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
Sei que a terra gira com o seu grande poder

O meu amigo em você eu me confio
Eu me confio que meus olhos correm n’águas
Eu admiro uma piaba dentro d’água
Ela faz a morada não sente calor nem frio
Se o sol esquenta ela precura um sombrio
Na toca de uma barqueira pro mode se esconder
Arruma lodo começa a comer
Quer dizer daquele lodo vai servir de alimento
Nosso Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
A terra gira com o seu grande poder
Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
A terra gira com o seu grande poder

Mestre Verdelinho

Wado e o Realismo Fantástico

Déa Trancoso

Comadre Fulôzinha

Fogueira das Rosas

Informações sobre Mestre Verdelinho, aqui: Site da Secretaria de Estado da Cultura.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: